Mulher denuncia professor por estupro de vulnerável na Bahia


Uma mulher denunciou um professor da Escola Adventista de Paripe, em Salvador, por estupro de vulnerável. Segundo ela, a filha foi abusada quando tinha 10 anos, assim que chegou na instituição de ensino, no ano de 2016. “Roubou a inocência da minha filha”, disse em entrevista ao G1. De acordo com a escola, o suspeito nega todas as acusações. O Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA) requisitou no dia 16 de fevereiro a instauração de um inquérito policial à Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Contra à Criança e o Adolescente (Dercca). O inquérito foi encaminhado ao MP-BA e será distribuído a um promotor de Justiça criminal para a devida avaliação das conclusões e apurações policiais. O MP-BA também informou que apura, na esfera não criminal, a violação de direito à educação, em razão de suposto abuso sexual físico e psíquico, por meio de procedimento instaurado no dia 14 abril, prorrogado no dia 13 de maio, e solicitou mais informações à denunciante e à unidade escolar. Em nota enviada ao G1, a Escola Adventista de Paripe informou que apura os fatos relativos à denúncia de assédio envolvendo um funcionário. A instituição disse que afastou o professor suspeito após comunicação detalhada da parte da mãe da vítima e, posteriormente, realizou a demissão dele. A escola não informou quando ocorreu a demissão do suspeito.

Com Informações do Ubatã Notícias
Mulher denuncia professor por estupro de vulnerável na Bahia Mulher denuncia professor por estupro de vulnerável na Bahia Reviewed by Redação on quarta-feira, maio 26, 2021 Rating: 5

Nenhum comentário

ANÚNCIOS

https://www.ibirataia.ba.gov.br/