Header AD

Adolescente que matou e ateou fogo em jovem por homofobia é assassinado a tiros


Guilherme de Souza (foto), de 21 anos, morto pelo adolescente.

O adolescente de 14 anos que premeditou e ateou fogo em Guilherme de Souza, de 21 anos, vítima de homofobia, foi morto a tiros por uma dupla em uma bicicleta na cidade de Luís Eduardo Magalhães, no oeste da Bahia, na madrugada desta segunda-feira (7). De acordo com o delegado Leonardo Almeida, que estava no plantão da unidade policial da cidade, por confessar o crime cometido contra Guilherme, em julho deste ano, Kauan Xavier havia sido apreendido e levado para a unidade de internação em Salvador, onde passou 45 dias.

Ele retornou para Luís Eduardo Magalhães, onde o juiz liberou para que ele respondesse ao crime em liberdade, afirmou o delegado. Por volta de 1h desta segunda, Kauan foi morto quando estava a caminho de casa, após ter saído do “Bar do Turista”, na rua Ibitiba, que fica no bairro Santa Cruz.

Segundo o delegado Leonardo, Kauan foi atingido por 15 tiros. Ele chegou a ser socorrido para uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade, mas não resistiu aos ferimentos. Ainda segundo o delegado, Kauan já tinha várias passagens pela polícia.

Com Informações do Giro Ipiaú
Adolescente que matou e ateou fogo em jovem por homofobia é assassinado a tiros Adolescente que matou e ateou fogo em jovem por homofobia é assassinado a tiros Reviewed by Redação on terça-feira, dezembro 08, 2020 Rating: 5

Nenhum comentário

ANÚNCIOS