Aurelino Leal: Suspeito de tráfico e de ostentar armas em redes sociais morre em confronto com a PM

Foto: Ubatã Notícias

Um homem identificado até o momento apenas pelo prenome de Léo morreu em confronto com policiais militares da 61ª CIPM na tarde desta terça-feira, 02. O homem era suspeito de tráfico, homicídios, assaltos e de liderar o tráfico de drogas em Poço Central, distrito de Aurelino Leal. Conforme informações da Polícia Militar, uma denúncia informou que alguns homens teriam saído de Poço Central com destino a Nova Palma com o objetivo de dominar o tráfico no distrito de Gongogi. Guarnições da PM saíram em diligência e encontraram um grupo de 04 suspeitos com armas em punho na estrada que liga Barra do Rocha ao distrito gongogiense.


Ao notar a presença dos policiais, os bandidos abriram fogo. Houve revide e os suspeitos empreenderam fuga por um matagal e posteriormente atravessaram um rio a nado. Um deles, no entanto, foi alvejado e socorrido ao Hospital César Monteiro Pirajá, em Ubatã, onde foi constatado o óbito. Com o criminoso, foi encontrado um revolver calibre 32. Ainda conforme a PM, o suspeito morto em confronto vinha aterrorizando, na companhia de comparsas, Poço Central, e costumava ostentar armas em redes sociais, promover ataques a rivais e disputava o controle do tráfico de drogas no distrito . 

Com informações do Ubatã Notícias
Aurelino Leal: Suspeito de tráfico e de ostentar armas em redes sociais morre em confronto com a PM Aurelino Leal: Suspeito de tráfico e de ostentar armas em redes sociais morre em confronto com a PM Reviewed by Giro Ibirataia on quarta-feira, agosto 03, 2022 Rating: 5

Nenhum comentário