6 em cada 10 professores se formaram à distância; nº mais que dobrou em 10 anos

 Foto: Divulgação UBM

Em média, 6 a cada 10 alunos que concluíram cursos de formação inicial de docentes (Pedagogia e Licenciatura) entre 2010 e 2020 fizeram educação a distância (EAD). É o que mostra um novo estudo do Todos Pela Educação que analisou dados do Censo da Educação Superior e que será divulgado na quinta-feira (21). O levantamento mostra que em 2010, 231.581 pessoas concluíram cursos voltados à formação de professores. Em 2020, foram 235.055, o que representa um crescimento de 1,5% em 10 anos. E, enquanto a fatia de formandos que fizeram ensino presencial (rede pública e privada) caiu, aquela referente à educação a distância cresceu 109,4% no mesmo período. Gabriel Corrêa, líder de Políticas Educacionais do Todos Pela Educação, vê perigo nestes números. “A formação inicial de professores na modalidade EAD, que deveria ser uma exceção, se tornou a principal estratégia de formação docente no país, o que é extremamente grave. Formar professor é coisa séria. Precisa de tempo, de discussões aprofundadas sobre a docência, de vivência nas escolas, de simulações de situações reais de sala de aula”, diz. *Ler mais.
6 em cada 10 professores se formaram à distância; nº mais que dobrou em 10 anos 6 em cada 10 professores se formaram à distância; nº mais que dobrou em 10 anos Reviewed by Giro Ibirataia on quinta-feira, julho 21, 2022 Rating: 5

Nenhum comentário