Polícia Federal interdita dois tradicionais pontos de fabricação de licor em Cachoeira




Os “Licores do Roque Pinto” e “Arraiá do Quiabo”, dois dos mais tradicionais fabricos de licor em Cachoeira, no Recôncavo baiano, foram interditados pela Polícia Federal, nesta terça-feira (21). Segundo informações da prefeita de Cachoeira, Eliana Gonzaga, a interdição aconteceu por volta do meio-dia por agentes da Polícia Federal. A prefeitura sinaliza que a interdição impacta o município. Só o fabrico Roque Pinto emprega 60 pessoas. Nesta semana de São João havia uma expectativa de venda alta na cidade. De acordo com a prefeita, o poder público tem atuado junto à Associação dos Licores e aos fabricos interditados para tentar reverter a situação. Eliana Gonzaga também informou que a Vigilância Sanitária do município realiza fiscalizações e os fabricos de licor de Cachoeira atendem todas as normas e exigências. Em 11 de maio, técnicos do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) fiscalizaram fabricos de licor da cidade de Cachoeira e fizeram uma série de exigências e adequações. *Ler mais.
Polícia Federal interdita dois tradicionais pontos de fabricação de licor em Cachoeira Polícia Federal interdita dois tradicionais pontos de fabricação de licor em Cachoeira Reviewed by Giro Ibirataia on quarta-feira, junho 22, 2022 Rating: 5

Nenhum comentário

GOVERNO DO ESTADO - OBRAS