Saiba como será o WhatsApp Comunidades; recurso será lançado no Brasil após as eleições


Foto: Reprodução

O WhatsApp Comunidades foi uma das principais novidades de um “pacotão” de recursos anunciados pelo aplicativo em meados deste mês. A função dessa ferramenta é agregar vários grupos em um espaço compartilhado, permitindo enviar avisos para milhares de pessoas ao mesmo tempo. Ela já está em testes para alguns usuários e deve começar a funcionar em todo o mundo ainda neste ano, mas, no Brasil, só depois das eleições.

Por que é polêmico?

Diferente do Telegram, que permite grupos com até 200 mil participantes, o WhatsApp tem um limite de até 256 membros. Além disso, o app restrigiu recentemente o reencaminhamento de mensagens para no máximo um grupo por vez. Segundo a empresa, essa decisão teve como objetivo reduzir “significativamente a disseminação de desinformação que possa ser prejudicial nos grupos”. Mas, ao agregar diversos grupos, o WhatsApp Comunidades, de certa forma, quebraria essa lógica.

Como funciona e para quem é

A empresa ainda não informou a quantidade de grupos que poderão ser agregados em uma comunidade, mas falou em “limites razoáveis” para o número de participantes e de grupos.

No Comunidades, o aplicativo vai dar mais poder para os administradores, que poderão enviar avisos a todos os participantes e controlar quais grupos e usuários podem ser adicionados. O formato dessas mensagens de aviso também não foi especificado pela empresa.

O WhatsApp explicou que o foco da ferramenta de comunidades é atender pequenos grupos com o mesmo interesse, como escolas, membros de congregações religiosa, moradores de um mesmo condomínio ou até mesmo empresas.

*Conteúdo reproduzido do G1
Saiba como será o WhatsApp Comunidades; recurso será lançado no Brasil após as eleições Saiba como será o WhatsApp Comunidades; recurso será lançado no Brasil após as eleições Reviewed by Giro Ibirataia on quarta-feira, abril 27, 2022 Rating: 5

Nenhum comentário

ANÚNCIOS