Indígena é morto a tiros em aldeia pataxó de Porto Seguro



Um indígena da etnia pataxó foi morto a tiros na Aldeia Novos Guerreiros, na região de Porto Seguro. O crime aconteceu na tarde desse sábado (23). Iris Braz dos Santos, 44 anos, foi atingido por tiros dentro de casa. Ele chegou a ser socorrido o Hospital Regional Deputado Luís Eduardo Magalhães, onde recebeu atendimento médico. Iris não resistiu aos ferimentos e morreu na madrugada deste domingo (24). Nas redes sociais, a liderança indígena Thyara Pataxó, da Aldeia Novos Guerreiros, lamentou o crime. “Em menos de dois meses do assassinato de Victor Bráz aqui na minha Aldeia, hj o tio dele será enterrado ao lado dele. Iris Braz, estava em sua casa trabalhando quando foi alvejado por 3 tiros. Ele foi socorrido, mas infelizmente faleceu após passar por uma cirurgia. Luto Pataxó!”, escreveu no twitter. O caso será investigado pela 1ª Delegacia de Porto Seguro. Ainda não há informações sobre a autoria e motivação do crime. Iris é tio do jovem Vítor Braz de Souza, 22 anos, morto a tiros no mês passado, ao reclamar de uma festa que acontecia na área da aldeia.
Indígena é morto a tiros em aldeia pataxó de Porto Seguro Indígena é morto a tiros em aldeia pataxó de Porto Seguro Reviewed by Giro Ibirataia on segunda-feira, abril 25, 2022 Rating: 5

Nenhum comentário

ANÚNCIOS