Header AD

Após atos, partidos do Centrão decidem consultar bancadas sobre impeachment de Bolsonaro

 


Partidos do Centrão decidiram consultar suas bancadas sobre a adesão a um pedido de impeachment do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), segundo apuração da CNN Brasil.

A reação ocorre após discurso do presidente em São Paulo neste 7 de setembro. Bolsonaro ameaçou não acatar as decisões judiciais de Alexandre de Moraes, ministro do Supremo Tribunal Federal, e que só aceita eleições com contagem pública dos votos.

De acordo com reportagem da emissora, o presidente do Solidariedade, Paulo Pereira da Silva, o Paulinho da Força, diz que vai reunir sua bancada na semana que vem para deliberar sobre a posição do partido. A expectativa é a de que a sigla passe a pedir o afastamento de Bolsonaro.

Já presidente do MDB, Baleia Rossi, também afirmou à CNN que vai consultar os principais líderes de sua bancada. Foi no governo de Michel Temer que Alexandre de Moraes foi indicado ao Supremo.

A sigla tem quadros na liderança do governo no Congresso. Essa posição também será discutida. Mais cedo, o presidente do PSDB, Bruno Araújo, anunciou que a sigla vai se reunir amanhã para debater o apoio ao impeachment.
Após atos, partidos do Centrão decidem consultar bancadas sobre impeachment de Bolsonaro Após atos, partidos do Centrão decidem consultar bancadas sobre impeachment de Bolsonaro Reviewed by Giro Ibirataia on terça-feira, setembro 07, 2021 Rating: 5

Nenhum comentário

ANÚNCIOS