Header AD

Documento da empresa de Moro prova que triplex era da OAS, não de Lula



Na tarde de quarta-feira (2), o jornalista Reinaldo Azevedo revelou a informação de que a consultoria estadunidense Alvarez & Marsal, que contratou o ex-juiz Sergio Moro recentemente, possui um documento no qual comprova a propriedade do tríplex do Guarujá, alvo da Lava Jato em 2017.

Segundo dados nos documentos divulgados, há informações sobre o imóvel no litoral paulista e confirma que o mesmo era da construtora OAS, não do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, como teria afirmado a Justiça brasileira em processos.


“Em uma petição enviada ao então juiz Sérgio Moro no dia 19 de abril de 2017, a defesa de Lula exibia dois documentos demonstrando que o tal tríplex de Guarujá não pertencia ao ex-presidente. Era, na verdade, propriedade da OAS. E quem é que listava o imóvel como patrimônio da empreiteira? Ninguém menos do que a Alvarez & Marsal, empresa de que Moro agora é sócio honrado e acima de qualquer suspeita. Isso está devidamente documentado”, relatou Reinaldo Azevedo.

Com Informações do Ipiaú Online
Documento da empresa de Moro prova que triplex era da OAS, não de Lula Documento da empresa de Moro prova que triplex era da OAS, não de Lula Reviewed by Redação on quinta-feira, dezembro 03, 2020 Rating: 5

Nenhum comentário

ANÚNCIOS